Caixa concede empréstimos e cartão de crédito para negativados; Veja


Milhões de brasileiros se viram em uma situação financeira complicada durante a pandemia e precisaram recorrer a empréstimos ou cartões de crédito. Segundo dados recentes do Serasa Experian, mais de 60 milhões de pessoas estavam com alguma dívida pendente no início do ano passado.

Nessa situação, aqueles que não conseguiram quitar suas dívidas ficaram negativados, e agora não conseguem ter acesso a mais crédito. Pensando nesse público, a Caixa Econômica Federal decidiu liberar um cartão de crédito e empréstimos para que está com o nome sujo no SPC ou Serasa.

Crédito para negativados da Caixa

A primeira coisa que você precisa saber é que o banco estatal aprova sim quem está com o nome sujo. Uma das grandes vantagens dessa linha de crédito é a possibilidade de contratação mesmo por quem não é correntista da Caixa, ou seja, quem ainda não tem uma conta na instituição.

São três modalidades: cartão de crédito consignado para segurados do Instituto Nacional do Seguro Social (INSS), empréstimo com garantia do Fundo de Garantia do Tempo de Serviço (FGTS) e empréstimo por penhor.

Vale destacar que o empréstimo consignado para beneficiários do INSS conta com as menores taxas de juros do mercado, além de ter a contratação facilitada.

Cartão de crédito consignado

Liberado exclusivamente para aposentados e pensionistas do INSS, o cartão de crédito consignado Caixa Simples tem taxas de juros de cerca de 3,70% ao mês para uso do rotativo. Além disso, não há cobrança de anuidade.

Parte do valor da fatura é descontado automaticamente do benefício ou folha de pagamento do contratante. O produto dispensa consulta ao SPC/Serasa, tem bandeira Elo Internacional e permite o saque de até 95% do limite.

Empréstimo com garantia do FGTS

Mas se o que você busca é um empréstimo, pode usar o valor disponível em suas contas do FGTS como garantia de pagamento. A contratação também é facilitada e dispensa consulta aos órgãos de proteção ao crédito.

Para contratar, o trabalhador precisa ter aderido à modalidade de saque-aniversário. Caso ele não pague o que deve, o banco tem o direito de debitar o valor da parcela de seu benefício, fazendo com que o pagamento seja garantido pelo FGTS.

Penhor

A terceira e última possibilidade de conseguir crédito de forma fácil na Caixa é a modalidade de penhor. Nela, o contratante oferece um bem de valor como garantia de empréstimo, excluindo o risco de inadimplência. São aceitos bens como joias, relógios, pérolas e outros.

Assim como nas demais modalidades, não há consulta ao SPC e Serasa. Caso o cliente deixe de pagar o que deve, o banco pode leiloar o bem.

Leia mais: Possui conta na Caixa? Banco anuncia processo de renumeração





Source link